Odontologia Preventiva na terceira idade: É possível?

Por desconhecimento e falta de informações, grande parcela da população deixa de ir ao consultório odontológico a partir dos 60 anos. Isso ocorre porque as pessoas acreditam que por usarem próteses ou mesmo uma dentadura não correm riscos de problemas e, até mesmo, de consequências mais sérias, como câncer de boca ou no coração.

De acordo com o fundador e gestor da Audace Odontologia Preventiva, Marco Aurélio Rela, é importante salientar que o ideal – e com os avanços da odontologia – é possível que as pessoas mantenham seus dentes até os 100 anos ou mais. Já quem precisou se submeter ao implante de uma prótese ou extrair todos os dentes e usar dentadura também precisa passar por uma consulta de rotina semestral, além de ser recomendável um Check-up anual.

Segundo Rela, a Odontologia na terceira idade se faz cada vez mais necessária para evitar problemas futuros, além de assegurar uma qualidade de vida aos idosos.

“Hoje estas pessoas também podem contar com a prevenção, realizando um check-up através de imagens e uso de modernas tecnologias”, explica Rela. Com esta atitude, o paciente vai garantir sua saúde bucal, evitar novas quedas de dentes nos próximos anos, além de se precaver de câncer bucal, mantendo a saúde da gengiva.

Rela alerta, ainda, que enfermidades preexistentes, tais como diabetes, problemas cardíacos, câncer, entre outras, podem afetar a saúde da boca. “O Idoso pode pensar que está velho para ir ao dentista. Mas esta é a fase da vida que ele deve estar curtindo mais, compartilhando os bons momentos com a família. Se a boca não está boa, ele perde esta qualidade”.

 Dentadura

Muitas pessoas na terceira idade usam dentaduras, tomam remédios e têm problemas de saúde geral. As cáries e os problemas com a raiz dos dentes são mais comuns em pessoas da terceira idade. Por isso, é importante escovar com um creme dental que contenha flúor, usar fio dental todos os dias e não deixar de ir ao dentista. 

No caso de dentaduras, elas tornam mais fácil a vida de muitas pessoas da terceira idade, mas exigem cuidados especiais. Rela lembra que juntamente com a dentadura existe todo um complexo de tecidos moles da cavidade bucal, como gengivas, bochechas, língua, freio de língua, assoalho bucal, ligamentos, inervação. 

“É todo um complexo que a pessoa usa para se alimentar, a principal via de entrada para sobreviver. Daí a importância de se buscar a prevenção bucal também nesta faixa etária”, completa  Rela.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.